Saiba como o GAT ajuda na automatização da gestão de segurança

Atualmente, os ambientes de TI contam com appliances, soluções, aplicações e serviços de diversos fornecedores. E, se a integração de todos esses processos e sistemas nem sempre é uma tarefa fácil, gerenciar a segurança é uma tarefa ainda mais complexa. O monitoramento manual do ambiente de segurança não oferece a agilidade na resposta necessária para fazer frente às ameaças digitais. Esses novos desafios exigem a automatização da gestão de segurança, entregando dados contextualizados.

Além disso, em grandes organizações, muitas vezes cada departamento utiliza uma ferramenta diferente para tarefas similares, o que faz com que a equipe de TI tenha que implantar diversos sistemas e processos para remediar uma vulnerabilidade.

O Relatório de Ameaças 2016, elaborado pelos especialistas em segurança da iBliss, identificou mais de 18 mil vulnerabilidades nas empresas brasileiras que, sem automatização da gestão de segurança, apresentavam falhas de acesso remoto, desatualização, gerenciamento de configuração, protocolo inseguro, validação de dados e inúmeras outras.

Tarefas como coleta, análise e priorização de dados de escaneamento, quando realizadas de forma manual, não são eficientes e requerem muitas horas/homem de recursos do departamento de TI, que poderiam estar voltados para, por exemplo, a busca de inovadoras soluções que aumentem a produtividade das equipes.

Com a automatização da gestão de segurança é possível monitorar as atualizações de vulnerabilidades dos seus ativos de terceiros, assim como implantar processos de testes gerenciados onde todas as vulnerabilidades são validadas e classificadas, com notificações em tempo real sobre novas ameaças.

Automatização de acordo com cada necessidade

Cada empresa tem as suas necessidades e a criticidade de segurança de seus ativos depende do seu negócio. Por isso, é ainda mais importante investir na automatização da gestão de segurança, gerenciando as vulnerabilidades de terceiros de acordo com SLAs previamente acordados.

O GAT, plataforma de gestão de vulnerabilidades, desenvolvida no Brasil, oferece os recursos necessários para gerenciar a segurança da informação de sua empresa, centralizando resultados e indicadores e compartilhando informações entre equipes.

A plataforma integra todas as informações – ameaças, análises e compliance – em só lugar, analisando cada processo de negócio e otimizando recursos. Fácil de implementar – na nuvem ou local – e usar, o GAT classifica as vulnerabilidades em diferentes níveis de criticidade, e entrega os dados de múltiplas plataformas de segurança e de auditoria em dashboards amigáveis, onde o usuário pode visualizar indicadores de desempenho e segurança customizados. O GAT também oferece um recurso exclusivo – o agrupamento de vulnerabilidades de mesma causa raiz de diferentes ferramentas

Com isso, líderes de TI contam com inteligência contextual, reunindo os milhares de dados gerados diariamente e os contextualizando de acordo com o impacto no negócio. E essa inteligência oferecida pela automatização da gestão de vulnerabilidades é que permite visualizar em tempo real quais brechas ainda necessitam de remediação e os danos que uma exploração pode causar à continuidade dos negócios e à reputação da sua marca.

Como está a Segurança Digital da sua empresa?

Converse com nossos especialistas.